Uma das vantagens de fazer publicações automáticas nos grupos do Facebook que acabou sendo muito útil pra nós foi o maior alcance que os grupos têm: todas as vezes que você publica em algum deles, todos os membros recebem uma notificação e veem as novidades em seu newsfeed. Sabendo disso, a chave do nosso sucesso foi  criar muitos grupos locais para diferentes cidades, focados em interesses específicos e usar cada um deles para promover nossos conteúdos.

O tráfego de pesquisa orgânica é o ponto de foco para a maioria dos administradores de sites – e por boas razões. Os mecanismos de pesquisa respondem às necessidades reais do usuário; eles tentam apresentar a melhor resposta para qualquer consulta que um usuário insere. Dessa forma, aparecer nos primeiros resultados em um determinado mecanismo de pesquisa é um endosso significativo desses sites cada vez mais importantes. Pode ser visto como um sinal de que sua empresa é de melhor qualidade e mais propensa a resolver as necessidades da parte de pesquisa do que outras. Como chegar ao topo desses resultados é uma tarefa muito mais complexa do que temos espaço aqui, então discutiremos isso em outro momento.
A nossa motivação neste artigo, mais do que postular sobre uma realidade em constante mutação, é sensibilizar para a importância que a otimização de conteúdos para motores busca pode ter. Elencar algumas dicas que, apesar de serem de implementação simples, podem ter impacto nos resultados. Assim, seja ao desenvolver conteúdo para o nosso site, seja ao produzir um press release para submeter no Press Point, devemos ter em consideração as seguintes orientações e passos:
Um ponto fundamental foi definir quais eram os melhores horários para publicar e assim conseguir atingir nosso público nas redes sociais massivamente. Percebemos que o mesmo conteúdo, publicado em diferentes horários, em alguns casos, exibia níveis de tráfego muito maiores que em outros momentos. Por isso começamos a pesquisar quais eram os horários mais oportunos para publicar em cada canal. Para tanto, usamos ferramentas como Facebook Insights e Twitter Analytics.
Deve ter botões sociais: No começo e no final das postagens, os usuários devem ter acesso aos botões que servem para compartilhar o conteúdo nas redes sociais (principalmente Twitter e Facebook). Já que Visión del Cine foi feita em WordPress, usamos AddtoAny, um plugin super completo com botões sociais para todos os gostos. Você pode baixá-lo aqui. Dá pra instalar AddtoAny diretamente pelo WordPress: você só precisa entrar em Plugins, selecionar Add New e procurar o AddToAny. Depois, é só apertar em Install e Activate Plugin, e pronto!
Abril de 2015: a chegada do algoritmo Mobile Friendly — batizado de Mobilegeddon por profissionais do mercado — faz crescer significativamente a importância dos resultados de buscas em dispositivos móveis (smartphones e tablets). A partir dessa mudança, o conceito de “mobile first” passa a vigorar para valer, uma vez que sites que não forem responsivos podem perder ranqueamento nas buscas feitas por esses aparelhos.
Em traços gerais, este processo, comummente referido como SEO (Search Engine Optimization), significa a adequação do conteúdo (textos e imagens) aos critérios e fatores que o algoritmo do Google usa para a determinação da relevância da informação para o utilizador. Este escrutínio, a que o motor de busca submete qualquer peça indexada, assim como ao contexto que o envolve, definirá, no final de contas, a respetiva classificação nos resultados de pesquisa.
Una vez que las páginas son rastreadas e indexadas, llega el momento en el que actúa el algoritmo: los algoritmos son los procesos informáticos que deciden qué páginas aparecen antes o después en los resultados de búsqueda. Realizada la búsqueda, los algoritmos revisan en los índices. Así sabrán cuáles son las páginas más relevantes teniendo en cuenta los cientos de factores de posicionamiento. Y todo esto sucede en cuestión de milisegundos.
Quando pesquisamos por um negócio local o Google apresenta, geralmente, um pequeno mapa seguido de três resultados, com a respetiva morada e avaliação. Estes resultados são aqueles que têm maior probabilidade de conseguir um clique e, para aqueles possuem negócios locais, é uma excelente oportunidade de gerar tráfego orgânico, extremamente valioso.

Deve ter botões para que lhe sigam nas redes sociais: Da mesma forma como no ponto anterior, o público deve ter à mão os acessos para suas contas no Twitter, Facebook, entre outros, tudo para poder lhe seguir imediatamente. Uma forma fácil de fazer isso é usar Metro Style, um plugin para WordPress que permite que os usuários sigam suas contas nas redes sociais mais populares. O procedimento de instalação é o mesmo do caso anterior.


¿Cuándo ocurre esto? Cuando tu blog está enfocado en el cliente o usuario. Y cuando te has dedicado a conocer sus necesidades como la palma de tu mano. Cuando has sabido detectar las búsquedas más importantes para ellos y por lo tanto las keywords correspondientes. Y finalmente cuando has convertido esas palabra clave en contenidos fenomenales que educan, informan y agregan valor.
Al principio los motores de búsqueda se basaban en el número de veces que se repetía una palabra. Al hacer una búsqueda rastreaban en su índice esos términos para encontrar qué páginas los tenían en sus textos, posicionando mejor la que más veces lo tenía repetido. Actualmente, son más sofisticados y basan sus índices en cientos de aspectos diferentes. La fecha de publicación, si contienen imágenes, vídeos o animaciones, microformatos, etc. son algunos de esos aspectos. Ahora dan más prioridad a la calidad del contenido.
Em traços gerais, este processo, comummente referido como SEO (Search Engine Optimization), significa a adequação do conteúdo (textos e imagens) aos critérios e fatores que o algoritmo do Google usa para a determinação da relevância da informação para o utilizador. Este escrutínio, a que o motor de busca submete qualquer peça indexada, assim como ao contexto que o envolve, definirá, no final de contas, a respetiva classificação nos resultados de pesquisa.
A duração das palavras – Existem mais de 3 bilhões de sites na Web hoje, então o Google não classificará seu site se você escrever artigos curtos de 50 palavras para o seu blog. Um bom conteúdo deve ter um mínimo de 500 palavras, mas quanto mais, melhor! Blogueiros experientes escrevem pelo menos 1 000 palavras por dia, enquanto autores de livros escrevem cerca de 2.500 palavras por dia. O que impede você de escrever pelo menos 500?
Agência Nacional de Inovação AICCOPN Algarve Ambiente Arquitetura Brasil Castro Marim Coimbra Construção Construção e Imobiliário Câmara Municipal de Silves Dão Expomecânica Exponor FCTUC Festivais de Música Fora de casa Fora de casa em Lisboa Fora de Casa no Algarve Fora de casa no Porto Hotelaria IHG Imobiliário Ingka Centres Investigação JD Sports KiKai Eventos Lisboa Logística Mar Shopping Matosinhos Matosinhos Melgaço Moda Moda Desportiva Porto Predibisa Pós-venda Automóvel Remax Shopping Silves Sodexo Turismo Universidade de Coimbra Vinhos do Dão Vitivinicultura
Quando pesquisamos por um negócio local o Google apresenta, geralmente, um pequeno mapa seguido de três resultados, com a respetiva morada e avaliação. Estes resultados são aqueles que têm maior probabilidade de conseguir um clique e, para aqueles possuem negócios locais, é uma excelente oportunidade de gerar tráfego orgânico, extremamente valioso.
Para isto, começamos por analisar quais os termos de pesquisa mais relevantes para a sua atividade, e que tipo de pesquisas fazem os consumidores quando pretendem saber algo dentro dessa atividade, e a partir daí otimizamos o site em torno das mesmas, de forma a que se consiga, para além de melhorar a posição do website nas pesquisas e de aumentar o seu tráfego, angariar visitas muito mais qualificadas e interessadas no que o site e empresa oferecem. Desde o endereço da página, ao mapa do site, e até aos conteúdos que este vai ter, tudo tem de ser pensado contemplando a otimização para motores de busca.
×